21 de maio de 2018

A tristeza faz parte mim

A real é que eu estava com saudades de me sentir triste. Sozinha. Despedaçada. Solitária. Todos esses sentimentos fazem parte de mim. É tipo um lar. Eu vou, mas sempre volto, mesmo que demore um certo tempo. Assim como muitos gostam da sensação de se sentir feliz, acho que gosto da sensação de me sentir triste. Me sinto abraçada, como se, por motivos ainda não descobertos por mim mesma, a tristeza conseguisse ser a única a me entender no mundo. A única que consegue me dar um conforto interno.
O céu é tão imenso que por vezes me deixei passar despercebida com tamanha imensidão que ele carrega. Eu sou tão imensa quê, por muitas das vezes, me deixei caber dentro de coisas rasas. Tão rasas que acabei, por consequência, me tornando tão rasa quanto. Mas agora estou voltando a ser imensa. Acho que a tristeza de fato faz parte de mim, de quem eu sou. É como se uma parte de mim estivesse finalmente voltando a se encaixar com a outra parte. E eu, por glórias, me sinto mais eu mesma ultimamente do que em todo o meu ano.

3 comentários:

  1. Lembro de um momento da vida que tive vontade de ter meu coração quebrado. Esse tipo de coisa parece loucura, mas entendemos quando sentimos.
    Precisamos saber tirar a seiva de cada lado de nós.. O bom e o mau. É tudo tão necessário. Eu adorei esse teu escrito, mesmo. Tanto que reli algumas vezes. Especialmente o segundo parágrafo.

    um beijo
    acid-baby.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Eu li uma vez que "A tristeza é um vício". Mas, ao meu ver, é um vício perigoso.
    Conheço uma pessoa muito apegada à tristeza, do tipo que ouve um fato triste e remói esse fato durante o dia todo, absorvendo as boas energias em volta porque sente necessidade de tocar no assunto triste e fazer os outros compartilharem esse sentimento com ela. Talvez esse estado melancólico seja como se estivéssemos nos abrindo para a possibilidade de vivenciarmos pequenas alegrias, ainda que sem grandes expectativas, mas efetivamente aguardando aquele momento de real preenchimento. Entrar numa espiral de tristeza pode parecer poético, mas pelo que eu já vi (e vivi), não é bem assim.
    Fique bem! ♥

    ResponderExcluir
  3. nos somos mesmo compostos de varias partes, e a tristeza é uma delas com certeza; super me identifiquei com seu texto pq tbm me sinto assim

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir

oncontextmenu='return false'